Quinta, 20 de Janeiro de 2022
21°

Poucas nuvens

Piraí do Sul - PR

Educação ENSINO PARA 2022

Futuro da educação: as tendências no ensino para 2022

Veja quais os rumos no setor da educação para o próximo ano no cenário pós pandêmico

08/12/2021 às 16h03
Por: Redação
Compartilhe:
Instituições do mundo inteiro enfrentaram desafios e, se ainda existia uma resistência, seja por parte dos alunos ou professores, ao Ensino à Distância (EaD), de uma hora para outra todos tiveram que se adaptar a esse novo contexto. Foto Divulgação.
Instituições do mundo inteiro enfrentaram desafios e, se ainda existia uma resistência, seja por parte dos alunos ou professores, ao Ensino à Distância (EaD), de uma hora para outra todos tiveram que se adaptar a esse novo contexto. Foto Divulgação.

Nos últimos dois anos o mundo passou por grandes mudanças por conta da pandemia de Covid-19 e o setor de ensino foi um dos mais afetados. Instituições do mundo inteiro enfrentaram desafios e, se ainda existia uma resistência, seja por parte dos alunos ou professores, ao Ensino à Distância (EaD), de uma hora para outra todos tiveram que se adaptar a esse novo contexto. 

 

Com a volta gradativa dos alunos ao modelo presencial e híbrido, não há como ignorar as transformações causadas pelo ensino remoto, e nesse sentido é possível trazer os aprendizados desse período para uma nova forma de ensino nas instituições. Para entender melhor o novo cenário e o que se espera para o próximo ano, a Turnitin, empresa global de tecnologia educacional presente em mais de 15 mil instituições em todo o mundo, aponta as principais mudanças no setor educacional que poderão ser incorporadas em 2022.

 

Uma das principais tendências será a melhoria destes modelos de ensino, no sentido de se adequarem mais às necessidades dos alunos tanto na forma de ensinar e  aprender quanto ao avaliarem os estudantes.  Novas formas de feedback deverão ser aplicadas bem como a relação entre professores, instituições, estudantes e a tecnologia. 

 

Para Leonardo Ferreira, Gerente de Marketing da Turnitin, o educador tem um papel importante ao orientar o estudante ao longo do processo de aprendizagem nesse novo contexto. “

O uso da tecnologia não é mais uma novidade, mas a forma como educadores e alunos usam e se engajam com ela, que é o ponto chave. Ao entender essa nova realidade, os educadores conseguem otimizar seus processos e utilizar as ferramentas disponíveis para melhorar o desempenho do aluno. E a nova dinâmica em sala de aula é possível através da tutoria aliada a esse suporte tecnológico que transforma a experiência do ensino, possibilitando que escolas e universidades trabalhem de maneira cada vez mais formativa”.

 

Nova dinâmica em sala de aula

 

A dinâmica na sala de aula vai continuar se aprimorando nestes modelos. “No começo da pandemia tínhamos professores replicando a aula presencial mas em um ambiente online. Agora os docentes já adquiriram mais prática nessas modalidades e poderão incluir propostas de sala de aula invertida, por exemplo, com o professor dedicando mais tempo para mentoria, apresentando estudos de caso e realizando atividades entre pares”, explica Leonardo. 

 

Por outro lado, ter parte da turma assistindo a aula remotamente e parte presencialmente, como é o caso do ensino híbrido, também traz desafios específicos. Manter a motivação tanto de quem está na sala de aula quanto de quem está em casa é uma das tarefas mais difíceis para educadores. Pensar nessa dinâmica é fundamental para que haja um bom aproveitamento de ambas as partes. 

 

Novo formato de avaliações

 

Outro desafio no ambiente remoto é a avaliação dos alunos, etapa fundamental do processo de aprendizagem. Não se trata apenas de uma nota, mas é a maneira que o educador tem como saber se o aluno está ou não absorvendo os conceitos durante as aulas. No ambiente on-line as avaliações tornaram-se um desafio e instituições e docentes precisaram encontrar novas maneiras tanto de aplicar provas e outros tipos de avaliações, quanto de verificar se o método estava realmente funcionando para o desenvolvimento do aluno. Ferreira esclarece que “As avaliações provavelmente seguirão de forma mais frequente, permitindo um maior acompanhamento do progresso dos alunos e transformando as tarefas em momentos de aprendizagem”.

 

O aluno precisa estar ciente do seu processo de aprendizagem e é fundamental que haja um feedback por parte do educador, para que o aluno enxergue o processo avaliativo como uma oportunidade de aprendizagem. “Hoje existem ferramentas que auxiliam na avaliação do sucesso do aluno, o que permite acompanhar e analisar melhor o progresso do estudante. O uso da tecnologia neste processo otimiza o tempo do professor, que pode se dedicar mais a conversar com o aluno e entender possíveis dificuldades que ele possa ter”, aponta Leonardo. 

 

Relação entre professores e instituições

 

É inegável que a IA (Inteligência Artificial) estará cada vez mais presente no ensino. A tecnologia tem auxiliado cada vez mais os educadores a orientar melhor os alunos, diminuir o tempo em correções e permitir enxergar padrões de comportamento em sala de aula. Ao mesmo tempo oferecem uma visão do desempenho de cada aluno, o que é muito importante para mantê-los motivados e trabalhar melhorias no ensino em cada curso.

 

“Softwares que identificam similaridades em textos e auxiliam no feedback, ajudam a orientar os alunos e estão sendo cada vez mais adotadas pelas instituições para contribuir no ensino de uma maneira mais educativa, conscientizando o estudante e dando o suporte necessário para que ele desenvolva o seu próprio pensamento original”, finaliza Ferreira. 

 

Por todos esses aspectos, o ensino passa por uma transformação histórica, contando com a tecnologia e novas metodologias de ensino que surgem em resposta à educação tradicional, adaptando-se às necessidades e características particulares dos alunos, buscando atrair o interesse dos estudantes e desenvolvê-los em novas competências.

 

Sobre Turnitin 

 

A Turnitin é uma empresa global dedicada a garantir a integridade da educação e melhorar significativamente os resultados de aprendizagem. Por mais de 20 anos a Turnitin faz parceria com instituições educacionais para promover a honestidade, consistência e justiça em todas as áreas temáticas e tipos de avaliação. Nossos produtos são usados por instituições educacionais e programas de certificação e licenciamento para manter a integridade e aumentar o desempenho de aprendizagem, e por alunos e profissionais para fazer seu trabalho melhor e original.

 

A Turnitin possui escritórios na Austrália, Índia, Indonésia, Japão, Coréia, México, Holanda, Filipinas, Ucrânia, Reino Unido e Estados Unidos. Mais de 16.000 instituições acadêmicas, editoras e empresas usam nossos serviços: Feedback Studio, Gradescope, iThenticate, Turnitin Originality, Turnitin Similarity, ExamSoft e ProctorExam.

 

Contatos de mídia

 

Para obter mais informações, entre em contato com [email protected]

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Piraí do Sul - PR Atualizado às 22h45 - Fonte: ClimaTempo
21°
Poucas nuvens

Mín. 19° Máx. 31°

Sex 31°C 17°C
Sáb 32°C 17°C
Dom 33°C 16°C
Seg 31°C 16°C
Ter 31°C 19°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias